O perfil no mosaico da intervenção gerontológica de

O perfil no mosaico da intervenção gerontológica

ISBN: 9789895443239

Autor: Cláudia Moura

Preço: 25,00 €

Em Stock - entrega em 24h

Preços incluem o Iva à taxa em vigor

 

Sobre a autora

Professora Universitária Convidada. Consultora Sénior para a estratégia e sustentabilidade em Estruturas Residenciais para Pessoas Idosas (ERPI). Empreendedora Social e Fundadora e Diretora da CMStatus Porto & Lisboa, organizou até à data 297 Congressos Nacionais nas áreas da Saúde-Educação-Crime. Autora dos Livros «Século XXI Século do Envelhecimento», «Processos e Estratégias do Envelhecimento», «Idadismo: Prioridade na Construção Social da Idade», «A Qualidade de Vida do Idoso em Contexto Institucional», «Novas Competências para Novas Exigências no Cuidar» e «Vamos Morrer um Dia».  Autora de várias Crónicas Nacionais subordinadas ao Envelhecimento Ativo. Foi Membro dos Júris Prémio Inovação no Envelhecimento Activo, AAGI-ID, Prémio Hospital do Futuro, UCP. Foi apresentadora do Programa «Referências», norteTV. É apresentadora do Programa «Cláudia Moura à conversa com…», Rádio Metropolitana Porto. É Personal Coaching de várias figuras públicas Nacionais.


Sobre a obra

É certo que na sociedade contemporânea nos deparamos com uma mentalidade em que não é tão valorizada a velhice a qual, não raro, se torna objeto de contradição, tida como um “incómodo”, como uma declinante fase da vida. Neste tipo de mentalidade, à velhice aparece associada a doença, a debilidade, a incapacidade e, por conseguinte, a improdutividade. Chocam-nos as manifestações de desprezo a pessoas idosas, o abandono destas em casa ou em lares, muitos dos quais apenas perseguindo o lucro económico, não considerando nem promovendo o capital de vida e de conhecimento experimentado que pulsa em cada uma das pessoas idosas. (D. José Cordeiro)

 

[Este livro] é mais uma preciosa achega para reflexão de ângulos diversos sobre a multiplicidade de questões inerentes ao envelhecimento. Na colaboração dos autores transparece a realidade crescente que é o espaço ocupado pelos idosos, em qualquer nível de atividade, tendo deixado de ser excecional quem atinge os 100 anos. [É também] um aviso de que é preciso meditar e agir em conformidade na manutenção dos direitos fundamentais dos idosos, nas suas vivências com dignidade, aproveitando da experiência do que aprenderam e relativamente à qual os mais novos não dispõem porque ainda não tiveram tempo para isso. É um livro para ler e reler por todos os que se interessam e preocupam com o envelhecimento. (Prof. Dr. José Pinto da Costa)